Fundep

Cientistas internacionais se reúnem na UFMG para Workshop sobre Criotécnicas em Microscopia Eletrônica

Postado em Ciência, Tecnologia e Inovação

O Centro de Microscopia da UFMG receberá especialistas de universidades e centros de pesquisa da Europa, China, Japão e Brasil para práticas e palestras.
Evento acontece de 3 a 7 de dezembro. Inscrições abertas e vagas limitadas

A criomicroscopia rendeu recentemente aos seus proponentes o Prêmio Nobel em Química. Esta técnica revolucionou o estudo de nanoestruturas biológicas invisíveis ao olho humano, pois permite a visualização de vírus, bactérias, células e tecidos vitrificados, ou seja, congelados em seu estado natural. Desse modo, essa técnica tem permitido ampliar a compreensão dos processos biológicos e o desenvolvimento de novos fármacos.

A criomicroscopia também permite a obtenção de imagens tridimensionais de células, organelas, complexos proteicos e até mesmo moléculas individuais, com qualidade inédita e escala quase atômica.

“Essa capacidade de capturar imagens de moléculas em alta resolução é valiosa para que se ampliem a compreensão das estruturas e as possibilidades de exploração dos processos biológicos. A técnica tem aplicação em áreas multidisciplinares, com destaque para a formulação de fármacos mais eficazes, que podem aprimorar o tratamento de doenças infecciosas e degenerativas”, explica a professora Elizabeth Ribeiro, coordenadora do Laboratório de Criotécnicas do Centro de Microscopia da UFMG).

Workshop

Com o intuito de estimular o uso de criotécnicas em microscopia eletrônica pelos pesquisadores do Brasil e toda América Latina, e contribuir para o desenvolvimento da pesquisa científica e tecnológica, o Centro de Microscopia da UFMG promove o worskshop “Criotécnicas de microscopia eletrônica como ferramentas para elucidação de processos biológicos” (Electron microscopy cryo-techniques as tools for elucidating biological processes), de 3 a 7 de dezembro de 2018, na UFMG campus Pampulha.

O workshop é dirigido a pesquisadores de Instituições de Ensino Superior, Centros de Pesquisas e Empresas; estudantes de pós-graduação e de graduação. “A programação do Workshop está bem interessante, pois apresentará as tendências mais modernas na utilização de criotécnicas em pesquisas cientificas e técnológicas e, ao mesmo tempo, permitirá aos iniciantes que se familiarizem com a operação dos equipamentos usados em criotécnicas”, diz o professor Gregory Kitten, vice-diretor do Centro de Microscopia da UFMG.

As sessões práticas para realização de experimentos em criotécnicas ocorrerão de 3 a 5 de dezembro, no Centro de Microscopia, e abordarão os tópicos: congelamento rápido por imersão (plunge-freezing), congelamento por alta-pressão (high-pressure freezing), criosubstituição (freeze-substitution), crio-ultramicrotomia (cryo-ultramicrotomy), criofratura (freeze fracture), e tomografia (tomography). As sessões práticas serão conduzidas por Roland Fleck, Gema Viscay-Barrena e Corey Hecksel (Kings College London, Reino Unido), Johanna Höög (University of Gothenburg, Suécia) e Bruno Humbel (Okinawa Institute of Science and Technology, Japão). Serão 18 participantes selecionados. Os candidatos devem preencher o formulário da pré-inscrição, disponível no site do evento: www.microscopia.ufmg.br/CryoEM2018.html

As palestras, abertas a todos os inscritos, acontecem nos dias 6 e 7 de dezembro. Cientistas de instituições do Reino Unido, Suíça, França, Suécia, China e Brasil discutirão temas como a história da criomicroscopia e como tem sido utilizada para ampliar o conhecimento sobre doenças tropicais,  estrutura de vírus, a interação de parasitas com hospedeiros em doenças tropicais, o estudo de vírus que afetam crescimento de plantas, assim como novas possibilidades em criomicroscopia. Clique aqui e confira a relação completa dos convidados, bem como o acesso à inscrição.

Oportunidade!

Inscrições para as palestras até 23 de novembro:

– 50% de desconto para estudantes de graduação e pós-graduação;

– 40 % de desconto para pesquisadores de Institutos de Ciência e Tecnologia e empresas.

Clique aqui e inscreva-se!

O evento tem o financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), e também o apoio das empresas Leica Microsystems, Thermo Fisher Scientific e Altmann S/A Importação e Comércio.

Centro multiusuário e multidisciplinar para Pesquisa & Desenvolvimento

Centro de Microscopia da UFMG é um centro multiusuário e multidisciplinar com padrão de excelência internacional, com infraestrutura em microscopia eletrônica, iônica e de varredura por sonda, e microscopia óptica e de fluorescência, para realização de atividades de pesquisa e de base tecnológica. Após três anos de investimentos na aquisição de equipamentos e no treinamento do corpo técnico-científico, o Centro está em fase de abertura da sua infraestrutura específica em criotécnicas para a comunidade científica, sendo a primeira desse tipo em Minas Gerais e uma das três existentes no Brasil.

Recentemente qualificado com Centro Nacional Multiusuário pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o Centro de Microscopia recebe, atualmente, mais de 800 pesquisadores, 1200 alunos de instituições de todo o país e 80 empresas, especialmente nas áreas de mineração e metalurgia, siderúrgicas, indústrias do setor de microeletrônica, de pesquisa e desenvolvimento de tecnologia, de transformação de bens de consumo, hospitais e laboratórios de análises. “A facilidade de acesso e a qualidade das instalações e da equipe são os principais diferenciais do Centro de Microscopia da UFMG”, destaca o diretor, professor Wagner Rodrigues.