Fundep

UFMG Talks em casa aborda como as tragédias causam impactos na saúde mental

Postado em Eventos C,T&I

Tomando como ponto de partida a pandemia do novo coronavírus, professoras da Psicologia e Enfermagem vão conversar sobre como superar tragédias 

Os receios e temores provocados pela pandemia do novo coronavírus, os riscos de contaminação e o isolamento social podem agravar ou gerar sofrimento mental. Outros acontecimentos trágicos, como o rompimento da barragem de Brumadinho, atestam que as emoções humanas devem ser consideradas com um dos fatores preponderantes para a saúde. Para conversar sobre catástrofes na saúde mental, o UFMG Talks em casa da próxima quinta-feira, 30 de julho, recebe as professoras Claudia Mayorga e Teresa Kurimoto, que abordam o tema sob a perspectiva da Psicologia e da Enfermagem.

Professora do Departamento de Psicologia da UFMG, Claudia Mayorga é pró-reitora de extensão e coordenadora da Rede Saúde Mental da UFMG, com uma atuação de destaque nas áreas de psicologia social e feminismo, análise da desigualdade social brasileira, democratização da universidade e ações afirmativas. Teresa Kurimoto é professora do Departamento de Enfermagem Aplicada e membro da Comissão Permanente de Saúde Mental da UFMG, atuando principalmente no cuidado, psicanálise, linguagem, inconsciente, corpo e estratégia de saúde da família

O UFMG Talks em casa, que começa às 19h, tem duração de uma hora e será transmitido ao vivo no canal da TV UFMG no YouTube (youtube.com/tvufmg) e na página do Centro Cultural Banco do Brasil de Belo Horizonte (CCBB-BH) no Facebook (fb.com/ccbb.bh). Após a apresentação, os convidados responderão a perguntas enviadas pelos internautas.

 

Convidados desta edição

Claudia Mayorga é doutora em Psicologia Social pela Universidade Complutense de Madri, na Espanha, com foco em estudo sobre gênero, política e feminismo. É coordenadora do Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão Conexões de Saberes da UFMG. Foi também coordenadora da Formação Transversal em Direitos Humanos de 2017 a 2019 e é membro da Comissão de Direitos Humanos do Conselho Federal de Psicologia.

Teresa Kurimoto tem uma vasta experiência nas áreas de saúde mental e saúde coletiva. É enfermeira e psicóloga, ambas graduações concluídas na UFMG, onde também cursou o mestrado. Possui doutorado em Enfermagem pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). É pesquisadora e extensionista na área de Saúde Mental e Atenção Primária à Saúde.

 

Sobre o UFMG Talks

Da arte à física quântica. Das manifestações culturais à neurociência. Dos estudos sobre criminalidade à inteligência artificial. Esses temas e outros ganham visibilidade no UFMG Talks, espaço aberto e democrático para discutir a ciência e as pesquisas realizadas na UFMG que contribuem para o desenvolvimento da sociedade, não apenas sob o ponto de vista econômico, mas, principalmente, da saúde, do bem-estar e da qualidade de vida.

Uma vez por semana, toda quinta-feira, às 19h, pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais apresentam suas pesquisas em um diálogo acessível que aproxime o público das principais discussões científicas.

UFMG Talks é uma iniciativa da Pró-Reitoria de Pesquisa (PRPq) em parceria com o Centro de Comunicação (Cedecom) da UFMG e conta com o apoio do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep).

 

Próxima edição

Anote na agenda! No dia 6 de agosto o UFMG Talks em casa aborda o tema Inclusão digital durante a pandemia. Os convidados são os professores Virgílio Almeida e Regina Helena Alves.

 

Serviço:

UFMG Talks em casa – Os impactos das tragédias na saúde mental

Data: 30 de julho

Horário: 19h

Convidados: Claudia Mayorga e Teresa Kurimoto

Transmissão online pelo canal da TV UFMG no YouTube (youtube.com/tvufmg) e pela página do CCBB.BH no Facebook (fb.com/ccbb.bh)