Fundep

Pesquisa revela que aumento da exigência do cliente é um desafio para 70% dos executivos

Postado em Projetos

A pesquisa “Desafios e tendências nos negócios em contextos de mudança”, conduzida pelo professor doutor Plínio Monteiro, coordenador do Núcleo de Tecnologias Inovadoras em Marketing e Empreendedorismo da UFMG (Time UFMG), revelou resultados surpreendentes a respeito dos desafios enfrentados pelas empresas, suas estratégias para combatê-los e os resultados de suas ações. Para 70% dos 412 entrevistados, o aumento da exigência do cliente em relação à empresa/organização é um desafio, ao lado das mudanças nas suas preferências e da falta de integração entre os setores (61%). A pesquisa foi realizada durante os meses de abril a maio, com 412 executivos e profissionais de empresas da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) dos mais variados setores e perfis.

Diante desses desafios, a pesquisa revelou que 47% dos entrevistados disseram não conseguir conquistar novos mercados, 56% tinham sofrido com o aumento dos custos e 30% perderam um número significativo de clientes. Além disso, 36% deles sofriam com problemas operacionais e de logística e 35% observavam queda no faturamento.

Mas o que fazer para enfrentar tudo isso e alcançar o sucesso? Segundo a pesquisa, empresas que investiram em projetos de inovação com foco no cliente reduziram em 47% a chance de queda expressiva no faturamento. Já as que apostaram no desenvolvimento de suas equipes conseguiram reduzir em 44% a chance de perda significativa da clientela.

Rede de aprendizagem

Buscando mapear esses desafios e apontar soluções para organizações públicas e privadas, o Time UFMG desenvolve pesquisas científicas e soluções voltadas à inovação nas áreas de marketing, estratégia e gestão. Neste semestre, o Núcleo está promovendo o Circuito de Inovação, uma ação de extensão da UFMG voltada à promoção e cocriação de práticas inovadoras para executivos, gestores e profissionais atuantes em distintas organizações.

Os participantes do projeto vão integrar uma rede de aprendizagem, onde empresas que vivem diferentes contextos e detém experiências e competências complementares, se alinham em formato colaborativo para avaliar, aperfeiçoar e compartilhar estratégias e ações de gestão que auxiliem na criação de vínculos duradouros com clientes atuais e novos mercados. “Nossa proposta é criar um ambiente multidisciplinar com atividades variadas para os participantes conhecerem melhor seus públicos e aprenderem estratégias para um relacionamento efetivo”, completa o professor Plínio Monteiro.

O Circuito de Inovação está com inscrições abertas até 30 de setembro. Clique aqui e confira mais informações sobre o projeto e entre em contato para fazer sua inscrição.