Fundep

Oportunidade – PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BÔNUS TECNOLÓGICO E BOLSAS PARA INOVAÇÃO EM MANUFATURA AVANÇADA

Postado em Editais

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), e com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), lança chamada pública do Programa para Concessão de Bônus Tecnológicos e Bolsas para Inovação em Manufatura Avançada.

O objetivo é apoiar projetos de pesquisas, desenvolvimento e inovação para soluções em produtos, processos e serviços para manufatura avançada, realizados por micro e pequenas empresas (MPE), em parceria com médias e grandes empresas (Empresas Parceiras/Âncora). O apoio será por meio da concessão de Bônus Tecnológico conjugado com bolsas para capacitação e desenvolvimento tecnológico.

As propostas devem estar vinculadas a uma ou mais áreas estratégicas tecnológicas, aplicáveis à Manufatura Avançada, conforme o Plano de CT&I para Manufatura Avançada no Brasil. Ao todos, serão destinados R$ 2 milhões para apoiar os projetos.

O prazo para submissão de propostas é até dia 2 de outubro de 2018. Clique aqui para obter as informações completas da seleção.

  • Público alvo: Micro e Pequenas Empresas em parceria com empresa Ancora (empresas Média ou Grandes) com contrapartida mínima de 20%, seja econômica ou financeira.
  • Foco: soluções para Manufatura Avançada nas seguintes áreas estratégicas:
  1. Tecnologia de Informação e Comunicação
  2. Nanotecnologia
  3. Computação em nuvem
  4. Sensores e atuadores
  5. Gestão de dados (Big Data)
  6. Novos materiais
  7. Fotônica
  8. Impressoras 3D
  9. Sistemas ciberfísicos
  10. Internet das coisas (IoT)
  11. Automação
  12. Energias renováveis
  13. Simulação e modelagem
  14. Interoperabilidade
  15. Segurança cibernética
  16. Inteligência artificial
  17. Robótica avançada
  • Valor: Máximo de R$ 30 mil para contratação de serviços em ICT;
  • Valor: Máximo de R$ 30 mil para Bolsas de formação tecnológica:

– Modalidades: DTI ou EV

– Prazo: Máximo de 12 meses

Fonte: Portal CNPq