Fundep

Missão Israel – Para transformar a inovação em Minas Gerais

Postado em Ciência, Tecnologia e Inovação
Fundep, Fundepar e UFMG participam, com a Sedectes, da jornada em busca de inspiração e troca de experiência em Israel, país referência em ciência, tecnologia e inovação

No contexto mundial do ecossistema de inovação e empreendedorismo, Israel é destaque, sendo um dos maiores polos de ciência e tecnologia do planeta. Com uma população de cerca de 8,6 milhões de pessoas – menor que a cidade de São Paulo –, em termos mundiais, o país é o segundo em quantidade de startups por pessoa (por ano, surgem por ali cerca de mil novas startups); é sede de centros de Pesquisa & Desenvolvimento de mais 300 multinacionais; tem um dos maiores números de cientistas e engenheiros por 10 mil habitantes (275); é um dos maiores produtores de patentes do planeta; está entre as 20 nações com maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH); e ocupa o lugar de 5º país mais inovador do mundo em ranking da Bloomberg.

Por essas razões e, também, pelas semelhanças de desafios e realidades do ecossistema de inovação em Minas Gerais, a Terra Prometida foi a escolhida como inspiração para o Movimento da Nova Economia Mineira – Movem –, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (Sedectes).

Representantes da Fundep, Fundepar e da Coordenadoria de Transferência e Inovação Tecnológica (CTIT) da UFMG integram esta Missão Israel para conhecer de perto este ecossistema tão rico em inovação. Nesta viagem, os representantes visitam as cidades de Tel Aviv, Haifa e Jerusalém para conhecer as boas práticas, tendências de investimento e conexões e como é a sinergia dos principais atores desse ecossistema, tanto no âmbito governamental ou privado.

Confira o nosso diário da peregrinação da inovação:

O diretor da Fundep Participações (Fundepar), Ramon Azevedo, compartilhou os resultados que viu e suas impressões. Clique aqui e confira.

Movem

Posicionar Minas Gerais como como líder em inovação no Brasil e na América Latina para gerar mais conexões com universidades e empresas. Esse é o propósito principal do Movimento da Nova Economia Mineira – Movem –, da Sedectes.

Inovação, startups, empreendedorismo e talentos. Essas palavras estão por toda parte, mas quem está realmente fazendo a conexão entre todos os agentes envolvidos, que não são poucos? A proposta do Movem é fazer exatamente isso: Compreender o papel de cada integrante do ecossistema mineiro aumentando a eficácia do ciclo de inovação.

O projeto deu o pontapé inicial trazendo até Minas Gerais a equipe de Israel. A nação, hoje, já se encontra ao lado da China no topo da lista de países com maior número de empresas com capital na bolsa americana NASDAQ. Naquele país, já são mais de 5,5 mil startups que já receberam investimento na ordem de 5,2 bilhões de dólares em 2017.  (Fonte: Sistema Mineiro de Inovação – Simi)