Fundep

Missão China: parques tecnológicos

Postado em Ciência, Tecnologia e Inovação

A China conta com o maior parque tecnológico do mundo. Na imersão ao país, os diretores da Fundep, Ramon Azevedo e Martin Ravetti, conheceram, também, ambientes inovadores e geradores de ciência, tecnologia e inovação.

Confira alguns locais visitados:

TusPark

Maior parque científico universitário do mundo, com uma área total de 770.000 metros quadrados e mais de 1.500 empresas instaladas. O TusPark tornou-se um ponto de encontro de empresas multinacionais de Pesquisa & Desenvolvimento, de tecnologia e startups inovadoras. Tornou-se uma plataforma da Universidade de Tsinghua para transferir as realizações tecnológicas à sociedade e promover a inovação regional. Muitas tecnologias de inovação independentes do parque alcançaram o nível de liderança mundial, e muitas empresas incubadas com sucesso tornaram-se líderes no setor. Assim, é referência na China e na indústria global de parques científicos. Como uma missão, ele pretende se tornar “um estágio de inovação e empreendedorismo, um caminho para oportunidades e sucesso e uma ponte entre tecnologia e economia. ”

TusHoldings

A TusHoldings conta com uma vasta experiência no desenvolvimento, construção, operação, planejamento e gestão de parques científicos. É uma das maiores gestoras de parques tecnológicos do mundo, possuindo mais de 100 bilhões de dólares sob gestão. Promove a interação entre recursos inovadores e a economia regional, conectando uma rede global de serviços de inovação com mais de 300 incubadoras, parques científicos e cidades científicas. A rede radial da TusHoldings cobre grandes cidades na China, como Pequim, Xangai, Guangzhou, Shenzhen, além de mais de 80 cidades e regiões no país e no exterior, incluindo Hong Kong, Macau, EUA, Reino Unido, Itália, Rússia, Austrália, Suíça, Holanda, Suécia, Coréia do Sul, Tailândia, Egito e Brasil, tornando-se uma importante força do sistema de inovação de C&T da China. O segmento da indústria de C&T da TusHoldings se concentra em cinco indústrias emergentes estratégicas, como “proteção ambiental, nova energia, saúde, economia digital e novos materiais” e indústrias de apoio, como educação, cultura e esportes. Por meio da estratégia de “incubação + investimento + fusões e aquisições + alianças”, a Tusholdings forma uma cadeia industrial com diversos setores, busca fortalecer o ecossistema de inovação das empresa e promover serviços de C&T com recursos empresariais abrangentes.

Clique aqui e saiba tudo da Fundep na missão China.