Fundep

Hospitais vinculados à UFMG recebem primeiros produtos adquiridos com doações

Postado em UFMG
Hospital das Clínicas da UFMG. Foto: arquivo

Campanha de financiamento coletivo visa prover as unidades de equipamentos e insumos para o atendimento de pacientes com a Covid-19.  Fundep estruturou atendimento prioritário em prol das demandas urgentes.

 

O Hospital das Clínicas da UFMG, o Hospital Risoleta Neves e a UPA Centro Sul, especializada no atendimento a pacientes com o novo coronavírus, começam a receber, nesta semana, insumos e equipamentos que estão sendo comprados com recursos arrecadados por meio de campanha de doação lançada na internet. Os produtos vão de sabonete em espuma a luvas, máscaras e óculos de segurança, de álcool em gel e desinfetante a equipamentos de nebulização e peças de ventiladores pulmonares.

As aquisições somam R$ 231 mil. Até a última sexta-feira, 3 de abril, a campanha de financiamento coletivo Colabore Hospitais UFMG registrou doações no valor total de R$ 379.672,76, de 1.343 pessoas físicas e jurídicas. A campanha continua recebendo doações, que são destinadas ao atendimento às vítimas diagnosticadas com Covid-19, outras síndromes respiratórias agudas e outras emergências.

O projeto conta com uma equipe gestora que decide, com base em pedidos dos hospitais e da UPA, que itens e em que quantidades comprar, e os recursos são gerenciados pela Fundep, que está encarregada das aquisições dos insumos e equipamentos, dentro e fora do Brasil.

O pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento da UFMG, Maurício Freire, explica que “as aquisições serão feitas na medida das necessidades e urgências e também seguindo o critério do acúmulo de recursos, uma vez que, em compras mais volumosas, é possível obter preços mais vantajosos”.

Solidariedade
As doações são feitas por pessoas físicas e jurídicas, com valores diversos. A diretora de Cooperação Institucional da UFMG, Ana Flávia Machado, conta que o projeto tem motivado também ofertas de material, como macas, e de ações voluntárias como cursos de capacitação para confecção de máscaras cirúrgicas e de proteção. “Temos recebido a solidariedade de pessoas de dentro e fora da comunidade acadêmica. Um engenheiro químico, egresso da UFMG, intermediou a doação, pela BR Distribuidora, de 3 mil litros de álcool, que será transformado nas formas de uso hospitalar, como o álcool em gel”, comenta Ana Flávia. Ela informa também que os servidores da Assembleia Legislativa de Minas Gerais estão fazendo seu próprio movimento de arrecadação e depositando periodicamente para a campanha.

As compras para o Hospital Risoleta Neves somaram R$ 135 mil; o HC receberá insumos e equipamentos no valor de R$ 60 mil, e a UPA Centro Sul, de R$ 36 mil.

A campanha de financiamento coletivo é iniciativa da UFMG, do Instituto dos Advogados de Minas Gerais e da Fundep, e tem apoio institucional da Justiça Federal de Minas Gerais, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MG), da Associação do Ministério Público de Minas Gerais e da Associação dos Juízes Federais de Minas Gerais.

Juntos, o HC-UFMG, o Risoleta Neves e a UPA Centro Sul realizam mais de 3 milhões de atendimentos por ano, alcançando cerca de 1,2 milhão de pacientes. O Risoleta e a UPA são geridos pela UFMG e pela Fundep.

Na página oficial da campanha, estão disponíveis as informações sobre as formas de doação e detalhes sobre a evolução da arrecadação.

 

Fonte: UFMG