Fundep

Fórum UFMG de Cultura discute políticas culturais universitárias

Postado em Cursos e Eventos

A Diretoria de Ação Cultural (DAC) da UFMG promove, de 19 e 22 de agosto, no Conservatório UFMG (Av. Afonso Pena, 1.534), a edição 2019 do Fórum UFMG de Cultura. Com o tema Políticas e Gestão Cultural nas Instituições de Ensino Superior (IES), o evento reunirá gestores de diversas Instituições de Ensino Superior (IES) nacionais, além dos convidados internacionais Rubens Bayardo Garcia (Argentina) e Paulo Pires do Vale (Portugal). As palestras e mesas-redondas são abertas a toda a população. Inscrições gratuitas pela página da DAC, até o dia 18 de agosto.

Iniciado em 2014, o Fórum UFMG de Cultura realizou diversos encontros com o intuito de estimular e potencializar a formulação de políticas institucionais no âmbito da Universidade. Em 2019, o encontro promove debates em nível internacional e nacional, propiciando a troca de experiências entre gestores, população e comunidade acadêmica. As atividades integram a programação do Encontro Internacional Arte, Cultura e Democracia no Século XXI, promovido pela Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de Belo Horizonte.

Segundo o diretor de Ação Cultural da UFMG, Fernando Mencarelli, o princípio geral do fórum é o entendimento da cultura como um direito básico do cidadão. Desde a sua criação, pauta-se pela promoção da diversidade cultural, democratização da produção e do acesso à cultura, responsabilidade socioambiental, promoção da interlocução entre múltiplos territórios e cartografias culturais e pela discussão de políticas de fomento.

Programação

No dia 19 de agosto, às 14h, será a abertura do fórum com a presença da reitora da UFMG, Sandra Regina Goulart Almeida, e do diretor de Ação Cultural da Universidade, Fernando Antonio Mencarelli. Em seguida, Antonio Albino Canelas Rubim, professor e pesquisador da Universidade Federal da Bahia, abrirá a rodada de palestras com o tema Universidade, políticas e planos de cultura. A partir das 16h, o pró-reitor de Cultura da Universidade Federal do Cariri, Robson Almeida, ministrará a palestra Universidade cultural: Institucionalizar a cultura nas IES a partir da política e da gestão cultural.

No dia 20 de agosto, haverá a mesa-redonda Políticas e planos de cultura na universidade, com a participação de Alexandre Molina, professor e diretor de Cultura da Universidade Federal de Uberlândia; Jonas Defante, coordenador de Políticas Culturais e Diversidade do Instituto Federal Fluminense, e Patrícia Silva Dorneles, coordenadora do curso de pós-graduação em Acessibilidade Cultural para pessoas com deficiência da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Durante a tarde do dia 20 e todo o dia 21, a agenda será fechada ao público para abrigar as discussões do Grupo de Trabalho (GT) do Fórum de Gestão Cultural das Instituições de Ensino Superior do Sudeste. O GT visa à formulação dos Planos de Desenvolvimento Institucional e Planos de Cultura das IES e é um desdobramento da articulação nacional de gestores de cultura, por meio do Fórum Nacional de Gestão Cultural das IES (Forcult). A terceira edição do Forcult ocorreu de 31 de julho a 3 de agosto, quando foram debatidos o papel atual da cultura nas instituições, a ampliação do intercâmbio de experiências e as estratégias de fortalecimento das políticas culturais no âmbito acadêmico.

O último dia do fórum, 22 de agosto, contará com dois palestrantes internacionais. O argentino Rubens Bayardo Garcia, diretor da especialização em Gestão Cultural e Políticas Culturais da Universidad Nacional de San Martín, ministrará, às 14h,  a palestra Gestão cultural na universidade pública. O encerramento do fórum será às 16h, com a palestra Plano Nacional das Artes de Portugal, que prevê abranger todo o universo escolar português no período 2019-2024, ministrada pelo comissário do plano, curador, ensaísta e professor da Universidade Católica Portuguesa, Paulo Pires do Vale.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Diretoria de Ação Cultural (DAC) da UFMG – www.ufmg.br/cultura