Fundep

Foco permanente

Postado em Notícias da Fundep

Oferecer um serviço de qualidade aos seus parceiros sempre foi um objetivo prioritário para a Fundep. Em uma trajetória que ultrapassa três décadas, a instituição mantém-se comprometida com o bom atendimento e, para isso, conta com uma série de iniciativas inovadoras em seu histórico, como os investimentos em informatização, de caráter pioneiro no segmento de fundações de apoio. Em continuidade às ações de aperfeiçoamento, a Fundep se lança em um novo desafio em 2012, a busca da certificação ISO 9001:2008.

A decisão de adequar-se a padrões reconhecidos mundialmente coincide com um período de resultados positivos para a Fundação, que, após três anos, recuperou-se de um cenário de déficit. Assim como é peculiar às situações dessa natureza, a crise global e suas consequências mostraram-se oportunidade de aprendizado e mapeamento de pontos de melhoria. Nesse contexto, fortalecer a eficiência institucional é uma estratégia para lidar com adversidades e ratificar que a qualidade permanece como um pilar indispensável para a Fundep.

Durante o próximo ano, nossa equipe dedicará esforços para adaptar os modelos de trabalho atuais às exigências dos organismos certificadores. Essa atividade possibilita a análise mais apurada dos processos, identificação de problemas e, consequentemente, de soluções. Ao final desse projeto, esperamos ter como diferencial a comprovação de peritos externos de que dispomos de processos normatizados, ou seja, cuja execução segue sempre os mesmos critérios, independente de quem os realiza ou em que momento são efetuados.

Primeiro passo

Esse é mais um instrumento de mitigação de riscos institucionais que se soma a outras iniciativas que visam reduzir incertezas e evitar condições inseguras. Com foco nesse princípio, a conformidade com a norma ISO estabelece requisitos que auxiliam a melhoria e o registro de procedimentos internos, a maior capacitação dos colaboradores, o monitoramento do espaço de trabalho, a verificação da satisfação de parceiros, impulsionando um processo ininterrupto de aperfeiçoamento do Sistema de Gestão da Qualidade.

Para isso, contamos com a definição de políticas e regras internas, a determinação de metas e a implantação de um método de avaliação dos setores e profissionais, que permite o acompanhamento periódico de nossas atividades. Também é peça-chave desse trabalho o Planejamento Estratégico da Fundação, que contempla questões de caráter multidisciplinar e de grande impacto, bem como a definição de objetivos por área, abarcando as particularidades e necessidades de cada setor.

Tais perspectivas são desdobramentos do modelo de gestão colegiada da Fundep, que completa dois anos em 2012 e não se restringe apenas ao Conselho Diretor, sendo disseminado em toda a estrutura da Fundação. Assim, fomentamos um ambiente colaborativo e participativo em todas as esferas, o que gera ganhos de governança e transparência e nos permite inovar com mais agilidade.

A fim de continuar a contribuir com as atividades de pesquisa, ensino e extensão de nossos parceiros, fundamentais ao crescimento científico e tecnológico nacional, agimos pautados pelo anseio de tornar nossa atuação, cada vez mais, profissionalizada e eficaz. Dessa forma, a Fundação permite ao pesquisador, professor e cientista focar em suas atribuições, enquanto realiza ações administrativas e financeiras inerentes aos projetos, como compras, importações, contratação de pessoal, contabilidade e prestação de contas.

É importante destacar que esse não é o encerramento de um ciclo, mas uma parte do processo de consolidação dos nossos resultados, que proporcionará ganhos imediatos e futuros. Continuamos a trabalhar por uma gestão com segurança institucional e alta produtividade. A conquista da certificação ISO é o primeiro passo que nos permitirá dar saltos ainda maiores no campoda qualidade.

Conselho Diretor da Fundep