Fundep

Bactéria contra a dengue

Postado em Notícias da Fundep

Pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) apresenta-se como importante aliada no combate à dengue. A metodologia, desenvolvida inicialmente no Rio de Janeiro, consiste em injetar nos mosquitos da dengue uma bactéria que funciona como uma espécie de vacina. Assim, o vírus fica impedido de se multiplicar no organismo do inseto.

“O projeto envolve uma bactéria, chamada Wolbachia, amplamente presente em insetos na natureza que, ao ser inserida no mosquito Aedes aegypti, vem bloquear o vírus da dengue. Como a bactéria é transmitida pelos ovos da fêmea, rapidamente uma população de mosquitos pode se tornar positiva e, com isso, teremos uma população de mosquitos que não transmitem a doença,” explica o coordenador do projeto, professor Luciano Andrade Moreira, da Fiocruz.

Segundo o professor, trata-se de uma iniciativa sem fins lucrativos, autossustentável, natural e segura. Os primeiros estudos relacionados a esse método tiveram início na Austrália, em 2005. O Brasil passou a integrar o projeto em 2012. Desde então, foram cumpridas as etapas de preparação de campo, para conhecer e mapear a população de mosquitos em quatro localidades do Rio de Janeiro. Além disso, houve uma ação de engajamento com as pessoas que moram nessas regiões e, ainda, uma preparação em laboratório para criação dos mosquitos com a bactéria.

Envolvimento da Fundep

A Fundep participa do projeto gerenciando parte do financiamento internacional que vem da Universidade Monash, da Austrália. Entre as atividades, estão a compra de material, aquisição de veículos, passagens aéreas, importações, pagamento de pessoal e prestação de contas.

Simone Simões, da Gerência de Atendimento a Projetos Externos, destaca que ?é muito importante para a Fundep apoiar e fazer a gestão de projetos que favoreçam diretamente a comunidade, sobretudo porque a dengue hoje é um dos grandes problemas de saúde pública que mobiliza os governantes e a população rumo a soluções eficazes?.

A pesquisa da Fiocruz foi destaque recente na mídia. Confira o vídeo do site O Globo aqui.